Principal requisito: curso de datilografia

 

 Não acreditou no título que acabou de ler? Imaginei!

 

Se você também nasceu nos anos 80, já sentiu essa pressão quando começou a procurar emprego. O curso de datilografia era imprescindível para digitar rápido e se destacar no mercado de trabalho.

Foi o diferencial de toda uma época!

 

O que aconteceu depois?


Os computadores foram evoluindo e os requisitos das vagas de trabalho também, felizmente!

 

Os teclados e telas de celulares nos afastaram da escrita propriamente dita. Foi o fim da caligrafia e da letra bonita, abreviaram as palavras, nos fizeram esquecer de como se escreve uma carta, um poema, até mesmo uma simples receita.

 

Praticamente acabaram com toda uma era! Muita gente que não gostava de escrever deve ter vibrado com essa revolução.

Mas aí, veio o Marketing de Conteúdo!


Quebrando com todos os paradigmas da comunicação e trazendo de volta o ato de escrever como um novo requisito.

Porém, dessa vez, não precisamos digitar rapidamente, mas sim, produzir textos com uma certa frequência. Textos maiores do que um e-mail e mais profundos do que um Stories do Instagram.

 

Textos de verdade!

 

E agora???


Agora é a sua oportunidade de mostrar, mais do que você sabe sobre a sua área de atuação, as suas ideias, experiências de vida e o que você acredita sobre os mais variados assuntos.

 

Veja bem, o conteúdo que o seu público espera de você pode ser aquele específico, capaz de ajudá-lo diretamente a fazer o que ele precisa fazer.

 

Mas você pode ir além e oferecer a ele MAIS DE VOCÊ MESMO. É isso que faz com que ele diga: “ele está escrevendo para mim!” ou “Ele é como eu” ou “Me identifico tanto!”

 

Agora é pessoal!


Acredito que as principais características da comunicação dessa nova era é a pessoalidade e a personalização. É a oportunidade de mostrarmos, além do nosso trabalho, as nossas ideias.

 

Coisa bem boa, não acha? Eu acho e estou vibrando muito com essa revolução!

 

A dica é:
Intercale conteúdos de assuntos mais técnicos com outros mais pessoais.

 

E o ponto em comum que devem ter todos esses conteúdos é o objetivo de ajudar a sua persona no dia a dia dela. Resolver um problema, clarear alguma dúvida, diminuir angústias e deixar a vida dela mais fácil, seja através de informações, seja por meio de experiências de vida, através das quais ela veja que não está sozinha.

 

Esse é o ponto!
Você ajudando as pessoas através do seu conteúdo e você sendo ajudado através do mesmo conteúdo. Afinal, escrever tem muitos dos efeitos de uma terapia.

 

Acredite no poder do conteúdo e, mais do que isso, acredite em você e na sua capacidade de escrever e de fazer acontecer!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

BELEZA
CASAMENTO
CONTABILIDADE
DECORAÇÃO
EMPREENDEDORISMO
INDÚSTRIA
Mostrar Mais

Copyright© 2017 RedaçãoWeb

 (51) 99240.1288

 oficialredacaoweb